terça-feira, fevereiro 06, 2007

Quando a desinformação vira notícia

Uma das discussões mais recorrentes na Faculdade de Jornalismo é a definição de notícia. É o tipo do conceito que parece mais fácil de entender do que descrever. Cada professor tinha uma forma diferente de explicar. Mas parecia haver um consenso de que notícia precisa ser uma informação nova ou de divulgação recente. Por exemplo, se eu chegar hoje aqui e escrever em letras garrafais que o Internacional é Campeão do Mundo, pode ser uma verdade incontestável, mas não é mais notícia.

No entanto, às vezes a desinformação generalizada consegue gerar "notícias". Quando saiu o livro "Roberto Carlos em Detalhes", de Paulo César Araújo, alguns veículos de comunicação citaram como "revelação bombástica" o fato de que Roberto e Erasmo tiveram um desentendimento nos anos 60. Ora, isso é fato sabido e já contado por Erasmo em diversas entrevistas. Foi um curto período em que não assinaram as músicas juntos. Já o próprio livro erra ao dizer que somente em 1992 foi revelado que "Debaixo dos Caracóis dos Seus Cabelos" era dedicada a Caetano Veloso. Isso o próprio Roberto já havia mencionado na época do lançamento do disco. O que provavelmente aconteceu em 1992 é que esse fato foi divulgado no Fantástico. Para boa parte do povo brasileiro, o que não aparecer no Fantástico não é notícia. Por isso eu sempre digo que só o Fantástico pode acabar de uma vez por todas com as falsas autorias atribuídas a Verissimo, Quintana, Jabor e outros. Mas isso é assunto para outro momento.

A imprensa mundial está em polvorosa desde que o fotógrafo Peter Blake afirmou em entrevista recente que a imagem de Adolf Hitler estava escondida na capa do lendário LP dos Beatles "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band", de 1967. Os sites da Internet inteira estão reproduzindo a notícia da BBC. A Zero Hora de hoje chegou a fazer uma simulação de onde a figura de Hitler deveria ter aparecido. Oh, céus! Hitler num disco dos Beatles! Que escândalo!

Em primeiro lugar, não é novidade nenhuma que Hitler chegou a ser cogitado para a foto. Sempre se soube que os Beatles chegaram a mandar fazer uma imagem do ditador alemão, a qual deveria aparecer ao lado das demais personalidades que adornam a capa. A foto abaixo, que já é conhecida dos Beatlemaníacos há muitos anos, prova isso:

Observem que a figura de Hitler está bem à direita, indicada pela seta branca. Vejam em detalhe:
A foto foi obtida deste site. Agora pensem: se a imagem está ali, encostada na parede, enquanto a montagem já está praticamente pronta, vocês acham que depois disso alguém a teria retirado dali para colocá-la "escondida" em meio às outras? O texto divulgado no site da BBC Brasil diz:

No retrato que acabou sendo usado na lendária capa, Hitler fica encoberto em parte pelo baterista Ringo Starr e pelo atleta e ator Johnny Weissmuller, que viveu o Tarzan na telona.

Para entender melhor, vejam a capa:

Ora, se Hitler fica encoberto "em parte" por Ringo, concordam que, se o baterista saísse da frente, uma parte da imagem do nazista deveria aparecer? Então olhem esta outra foto da mesma sessão:

Hitler estaria "à esquerda" de Johnny Weismuller. Onde ele se escondeu agora? A menos que ele seja aquele baixinho que antes estava atrás de John Lennon (de amarelo) e que nessa foto aparece por inteiro. Isso, sim, seria uma revelação curiosa, pois todas as informações divulgadas desde o lançamento do disco dizem que aquele é Albert Einstein. Para ver mais fotos alternativas como essa, cliquem aqui.

De qualquer forma, não entendo como uma imagem que não aparece pode ser motivo para tanto alvoroço. Os fãs já conheciam essas fotos há muito tempo e sempre souberam que Hitler chegou a ser sugerido para constar na capa. Se os Beatles, de última hora, decidiram tirá-lo da montagem, que diferença faz se a figura dele ficou escondida atrás de outra ou totalmente afastada do alcance da câmera? Blake diz que há fotos de outros ângulos que provam que Hitler estava, sim, oculto no enquadramento do cenário. Pois que sejam divulgadas, até para tirar a dúvida sobre aquela cabeça com o rosto encoberto. Se ela for mesmo de Einstein, acho difícil, praticamente impossível, que houvesse um Hitler escondido no cenário. Seria então mais uma mistura de equívoco com desinformação que se transformou em notícia.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home