sexta-feira, janeiro 20, 2012

Sobre os reality shows

A propósito de toda esta polêmica sobre o Big Brother Brasil, convido-os a ler o que eu escrevi sobre os reality shows em fevereiro de 2005. É só clicar aqui. Minha opinião continua a mesma.

1 Comments:

Anonymous Edu Weiss said...

Meu caro Emilio, no ano passado um querido amigo meu, q chegou a estudar 3 anos de Filosofia na Ufrgs, e sabe muito bem o verdadeiro pavor que tenho das novelas e, mais ainda, destes reality-shows, tentou me convencer que "a versão desse ano está diferente", dizia ele, "eu tbém detestava, mas nesse ano tem um casal q tá namorando..." e ele me relatou q o casal era inteligente e tinha tiradas legais e ironicas, e q tbém tinha uns outros lances q tavam engraçados e coisa e tal.

Então, restou-me dizer a ele, um sujeito q considero um verdadeiro genio, q 'talvez' eu estivesse, de fato, totalmente por fora, desatualizado, do tipo 'não gosto de beringela, embora eu ainda ñ tenha experimentado', e q talvez o bigbrother estivesse diferente mesmo, e, por fim, até em respeito ao bom gosto dele, prometi tentar assistir a pelo menos um capitulo(!), ou um dia, ou sei lá( brinquei com essa indefinição).

Daí, ele me orientou qual dia da semana eu poderia curtir, evitando aqueles dias q tem aquelas 'provas' de crianças em quermesse. Ele me orientou para assistir um dia em q haveria aqueles papos e conchavos, no qual eu poderia ver o tal casal diferenciado e, no final, o tal do confessionario onde o pessoal entra pra votar e escolher 1 ou 2 judas pra compor os 3 q irão pro paredão...e sei mais lá o quê!

E, de fato, cumpri a promessa. Começou o troço e o papo dos conchavos era de doer, mas perseverei pq, afinal, eu tinha prometido TENTAR. Daí apareceu o tal casal, q ele me descrevera, mas falaram por apenas meio minuto e sem nada q pudesse ter qquer graça, se bem q nem houve tempo suficiente pra isso.

E aí...entrou um merchandising bem sutil, com 3 marmanjos palermas entrando numa casinha da Kibon e se lambuzando, detonando várias unidades dum sorvete q me pareceu muito sedutor, ainda mais pra um gordo como eu, era um tal de MEGA-Ñ-SEI-O-Q. Mas o papo dos caras, enfatizando o quão bom era o sorvete, era tão idiota, ao ponto de agora eu nem ter me lembrado nome do sorvete.

E aquilo foi se estendendo, estendendo, e eu fui ficando impaciente; e de repente eu vi q aquilo já tinha ido bem além de 15 minutos, e aí...MUDEI de canal antes q eu acabasse jogando meu violão na tela da pobre da tv!!! QUE ALIVIO!!!!

Nem telefonei pro meu camarada, preferi mandar um email dizendo q eu tentara mas q, definitivamente, não havia por onde aguentar aquilo, e confessei q quase joguei o violão na tv. Ele respondeu o email dizendo 'ainda bem q tu não telefonou, pq deu pra notar a mijada q eu ia levar!!' Respondi a isso dizendo q ele sabia bem q eu jamais seria de tal grossura e indelicadeza.

MAS adverti q novelas...e muito pior ainda os reality-shows...pelo bem de todos e felicidade geral da nação...NUNCA MAIS!!

E ele se mostrou extremamente ético e responsável. De fato, NUNCA MAIS chegou perto de pensar na ideia de tentar me empurrar uma bomba dessas!!!!

Inacreditável algumas coisas q acontecem nas nossas vidas!!!

Abs

5:16 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home