segunda-feira, maio 28, 2012

Reflexões sobre o Blog

Nada me deixa mais feliz em relação a este Blog do que saber que ele foi descoberto por alguém que não me conhecia e que resolveu vasculhar todos os tópicos desde o começo. Vejam bem, não estou desconsiderando o apoio dos amigos e parentes. Estes sempre me admiraram e realmente gostam do que eu escrevo. Eu sei quem vocês são e fico satisfeito quando deixam algum comentário. Mas quando os elogios vêm de ilustres desconhecidos, a massagem no ego é redobrada. Sinal de que o meu estilo realmente agradou, de forma isenta, sem predisposições à benevolência.
No ano passado, um músico chegou aqui pesquisando sobre um compositor gaúcho. Acabou lendo tudo desde o início e, de tempos em tempos, enviava alguma observação. Ou por e-mail, ou pelo Facebook (onde me adicionou), ou em algum tópico específico do Blog. Pois agora é uma moça quem está fazendo o mesmo e postando comentários em tópicos diversos. Lembro vagamente de uma terceira pessoa, há muitos anos, que também me avisou que estava fazendo um "tour" pelo site.
Como bem observou a recém-chegada visitante, no começo os assuntos eram mais diversificados. Eu escrevia bastante "sobre a vida", nas palavras dela. O que acontecia é que eu guardava meus melhores textos sobre música para o International Magazine. Quando o jornal parou de circular em 2009, redirecionei tudo para cá. Como música é o meu assunto preferido, é normal que venha a predominar.
Mas ainda penso em voltar a dissertar sobre relacionamentos, comportamentos, enfim, observações diversas. Nestes quase oito anos de Blog (o "aniversário" é em agosto), já coloquei aqui praticamente todas as minhas opiniões sobre o mundo. Uma frase recorrente quando participo de discussões orais ou escritas é: "Já escrevi sobre isso no meu Blog". Por isto os assuntos hoje não são tão fartos: eu já dei vazão a quase todas as "ideias reprimidas" que estavam em minha cabeça. Mas de vez em quando algum fato novo faz brotar a inspiração.
Mas é bacana saber que tem gente que gosta dos meus textos. Podem não ser muitos, mas eu sei que vocês estão aí. Pelo Site Meter, não tenho como saber exatamente quem chega aqui. Mas fico contente quando vejo que o argumento de pesquisa foi "Blog Emilio Pacheco" ou algo semelhante. Sinal de que o internauta em questão não encontrou este endereço por acaso. Veio porque queria me ler. E sei também que muitos estão com o endereço desta página nos "favoritos" do seu navegador.
A vocês, meus "leitores de fé", o meu muito obrigado. E bom dia, neste começo de uma nova semana.

9 Comments:

Blogger Teo said...

Emílio, eu fui um dos que cheguei ao teu blog por mero acaso, procurando informações sobre Kleiton & Kledir. Li o que queria e passei a visitar o blog periodicamente - neste momento é um dos que está no Google Reader para eu saber quando sai um novo post. Abraço e segue escrevendo que eu seguirei lendo. ;-) T

6:05 AM  
Anonymous Carolina said...

Pois é, verdade.Não lembro como cheguei aqui, mas o que importa é que curti muito o que li. E fiquei. Realmente disse que você escrevia mais "sobre a vida", mas não foi uma crítica,por favor...Afinal, falar de música é também falar sobre a vida. Valia pensar sobre um livro derivado do blog - ou já pensou sobre a ideia? bjs.

9:10 AM  
Blogger Emilio Pacheco said...

Oi, Carolina, sobre a possibilidade de publicar um livro com textos do Blog, já escrevi a respeito no tópico abaixo:

http://emiliopacheco.blogspot.com.br/2006/10/livro-ou-no-livro.html

Foi escrito em 2006, mas os argumentos continuam válidos.

9:17 AM  
Blogger César Dieter said...

Emílio,

Parabéns pelo teu blog! Ele traz informações e pesquisas importantes e, também, textos muito agradáveis de se ler, revelando o lado humano do escritor.
Continuo sendo um leitor constante.

Abraços,

César

7:03 PM  
Blogger Emilio Pacheco said...

Olá, César, obrigado pelos elogios e pela assiduidade.

7:05 PM  
Blogger Rafael said...

Olá Emilio!
Meu nome é Rafael. Cheguei ao teu blog procurando algo sobre a relação entre o Kiss e os Secos e Molhados se não me falha a memória, lá por meados de 2011. Desde então, quando possível, leio muito os teus post pois gosto muito da maneira como tu enfocas diversos assuntos, desde aqueles sobre música até aqueles em descreves a relação com teu filho, que por sinal acho linda. A proposito, nesse domingo (10/06/2012) passei por vocês no Shopping Praia de Belas e até pensei em parar e te cumprimentar, mas sou meio tímido e segui adiante com minha família. Deixo aqui um grande abraço!

RAFAEL GRANDI BORGES

10:41 AM  
Blogger Emilio Pacheco said...

Legal, Rafael, pode falar comigo sem problemas, é só se identificar como leitor do Blog. Só pode acontecer de eu não poder conversar muito quando estou com meu filho, pois o Iuri é meio exclusivista, ele não gosta que eu dê atenção para outras pessoas quando estou com ele. Abração!

10:27 PM  
Blogger Renato Vieira said...

Um dos meus blogs preferidos, sem dúvida.

9:10 PM  
Blogger jader_cm said...

Emílio! Há tempos não comento em seus textos, mas saiba que sempre dou uma passada por aqui para conferir. Realmente eu adoraria que você voltasse a escrever mais textos do tipo "situation" (recordo do texto das meias até hoje! Muito bom!). Não que não goste dos textos sobre música (que foi um dos motivos de encontrar seu blog).

No mais, um grande abraço e tudo de bom!

9:19 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home