domingo, dezembro 31, 2006

Virada de ano

O ano de 2006 foi bom. Poderia ter sido melhor, mesmo assim foi excelente. E este blog teve seu momento de glória. O "vídeo da profecia" de André Damasceno incorporou-se com destaque a toda a torcida e expectativa pela vitória do Internacional no Japão. Sabe lá se não ajudou a todos a acreditarem um pouquinho mais na vitória do Inter contra o poderoso Barcelona. E foi este blog que descobriu e divulgou. Houve quem comentasse: "Ah, isso foi só uma brincadeira que ele fez!" Ora, é claro que foi uma brincadeira! Chego a ficar perplexo que alguém possa achar que eu realmente interpretei a sátira do humorista como uma "profecia". Mas foi uma feliz coincidência, não foi? Que sirva de exemplo para as emissoras de TV valorizarem mais o seu material de arquivo. Eu duvido que a RBS, por si só, tivesse descoberto essa relíquia.

Certa vez, num festival de Gramado, o ator mirim italiano Salvatore Cascio, o Totó do filme "Cinema Paradiso", inaugurou um projetor. Ele moveu uma alavanca, começou a bater palmas e todos ao seu redor aplaudiram também. Isso foi mostrado na TV e, de relance, enxerguei o mestre Aníbal Damasceno Ferreira, meu ex-professor de cinema na Faculdade e grande amigo. Um dia o encontrei na rua e, como sempre acontece nessas ocasiões, esquecemos da hora conversando. Comentei que o tinha visto na televisão e ele me contou que a idéia de pedir para o garoto inaugurar o projetor foi dele, Aníbal. E me perguntou se eu tinha visto o filme "A Festa de Babette". Não, não tinha. Ele explicou: "Naquele filme, Babette prepara todo o banquete e a festa é um sucesso, mas ela própria nunca recebe crédito ou elogios. Apenas fica feliz de ver seu trabalho recompensado." Talvez as palavras do mestre não tenham sido exatamente essas, mas o que ele quis dizer é que se sentiu como Babette nesse festival de Gramado. Não só a idéia da inauguração foi dele, como ele preparou tudo, indo bater na porta do quarto do ator para fazer o convite, depois orientando os procedimentos na hora H. O resultado foi mostrado na TV, mas Aníbal em momento algum foi mencionado. Apenas apareceu rapidamente no final. Mas ele se sentiu gratificado por saber que aquilo tudo aconteceu por iniciativa dele, mesmo sem reconhecimento.

Pois o vídeo de André Damasceno (por sinal, sobrinho de Aníbal) foi a "Festa de Babette" deste blog. E tenho que dividir o mérito com meu colega Edson Iran e Silva Campos. Minha idéia original era apenas mostrar imagens capturadas e transcrever o texto, como aliás cheguei a fazer. Foi o Edson quem sugeriu: "Por que não coloca o vídeo todo digitalizado?" Contratei o serviço dele mesmo para fazer isso. Pedi que colocasse um "carimbo" com o endereço do blog. Um dia desses, durante as minhas férias, ele me ligou para dizer que o vídeo que ele próprio tinha digitalizado em casa lhe tinha sido enviado por e-mail. Fechou-se o ciclo. O "vídeo da profecia" tocou no rádio, apareceu em sites da imprensa, foi citado por jornalistas e até o próprio André acabou dando uma entrevista sobre o assunto. Mas nada disso teria acontecido se este blog não o tivesse divulgado. O vídeo ficou famoso. O blog, nem tanto, mesmo com o "carimbo" por cima. Mas não importa. Eu me sinto gratificado da mesma forma. Participei ativamente da torcida para que o Inter fosse Campeão do Mundo. E deu certo.

Ano novo, assuntos novos. Ou quase: o relato do veraneio vai prosseguir. Mas não voltarei a falar no "vídeo da profecia" a menos que surja alguma novidade. Aí, claro, não vou resistir. De resto, até o texto de apresentação do blog voltará a ser o anterior. Postei bem menos este ano, mas o blog continuou participativo e razoavelmente visitado. A média de visitas aumentou de 70 para 90 por dia. Torçamos para que 2007 só nos traga boas novas.

Feliz Ano Novo!

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home