domingo, janeiro 31, 2016

Caos em Porto Alegre

O cartaz acima parece se referir à árvore caída mais adiante, mas é apenas casualidade. Sexta à noite eu estava teclando com uma amiga no Facebook quando escrevi: "Chego a ouvir o barulho do vento levando tudo. Com chuva." Depois, comentei: "Nossa, que ventania!" A hora registrada era 22:27. Em seguida, faltou luz. Fiquei sem energia elétrica por exatas 48 horas. Caos total.
Quando acordei, no dia seguinte, ainda estava com esperanças de que talvez a luz voltasse logo. Mas percebi a gravidade da situação assim que saí com meu filho. Para onde eu olhasse, enxergava uma árvore caída. Ou algum outro estrago surpreendente. Não esperava que fosse tanto. De fato, o sibilo do vento passando pelas frestas das portas era assustador. Mas nunca imaginei a real dimensão do problema. Estas fotos são todas do bairro Menino Deus, que dizem que foi o mais atingido.
Árvore caída na Av. Praia de Belas, em frente à Praça Itália, que era meu local preferido de caminhadas antes de me mudar. Ainda vou lá, de vez em quando.
Aqui, a mesma árvore de outro ângulo.
Esta, se não me engano, foi na Rua Marcílio Dias.
A foto acima e as cinco posteriores mostram como ficou a Rua Caldwell no trecho entre a Gonçalves Dias e a Erico Verissimo. O asfalto foi praticamente forrado de árvores.
Na Av. Getúlio Vargas.
Aqui, de outro ângulo.
Na Rua Oscar Bittencourt.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home