quarta-feira, setembro 09, 2015

Audiobooks chegando

Audiobooks me fazem pensar: como não descobri isso antes? É simplesmente maravilhoso poder dar minhas caminhadas, ou perfazer longos trechos de carro quando estou sozinho, ouvindo a narração de um livro. Eventualmente, faço isso também durante as refeições ou nos raros momentos que reservo para continuar a longa organização de minhas coleções, desde que me mudei.

Em geral, compro meus audiobooks do site Audible, vinculado à Amazon. Eles são baixados num formato específico para uso no iPod da Apple. Mas alguns títulos, infelizmente, são licenciados para venda exclusiva nos Estados Unidos. Nesse caso, quando existe a opção, importo a edição em CD. Essa pode ser adquirida sem problemas, só tem a questão de esperar chegar. Normalmente as gravações são colocadas num CD só em mp3, mas existem casos em que elas vêm em CDs normais de áudio, como na autobiografia de Carlos Santana, na foto acima. Para comportar as 20 horas de narração, foram necessários 16 disquinhos! Isso requer um certo trabalho braçal, pois cada CD tem que ser lido e convertido pelo iTunes antes de se baixar tudo para o iPod.
No Brasil, o mercado de audiobooks em português (ou audiolivros, se preferirem) ainda engatinha, mas já se encontram algumas opções. Ainda não escutei "O Baú do Raul", mas já conferi trechos de "Vale Tudo", que é narrado pelo próprio autor. É incrível como Nélson Motta "incorpora" o personagem Tim Maia ao ler suas falas. Essa é uma característica do bom narrador de livros: não basta ter boa dicção, é preciso ser meio "imitador". Alguns têm esse dom e nos fazem esquecer que é uma só voz que estamos escutando.

Para quem curte ouvir algo mais do que música em seus iPods, existem também Podcasts e reportagens para baixar. Nesse feriado, durante uma de minhas caminhadas, conferi a retrospectiva em três partes que a Rádio Gaúcha disponibilizou sobre o Caso Daudt. Também é possível extrair-se o áudio de vídeos do YouTube. Na semana passada, aproveitei o relativo silêncio da pista do Centro Esportivo do Menino Deus para escutar uma palestra de Mark Lewisohn, que está escrevendo a biografia dos Beatles em três longas partes (por enquanto, só saiu a primeira), proferida em Liverpool. A conversão de vídeos do YouTube pode ser feita no site ClipConverter.

1 Comments:

Blogger Cris Carriconde said...

Gostei de ver o Prince. Uma curiosidade. Não foi no segundo show dele no Rock in Rio porque tinha um show do Santana, antes. Achei curioso encontrar a dupla na foto:)

9:29 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home