sábado, maio 02, 2015

Valmir Louruz

Agora há pouco estava fazendo uma leitura atrasada de matéria da Zero Hora sobre o falecimento de Valmir Louruz, ocorrido no dia 29 de abril. Deram um enorme destaque à sua carreira de treinador, mas a de jogador de futebol passou batida. Eu sempre digo que o time do Internacional do meu coração não foi o de Figueroa ou Falcão: foi o de 1970. Gainete, Édson Madureira, Pontes, Valmir e Jorge Andrade; Carbone e Tovar; Valdomiro, Claudiomiro, Sérgio e Dorinho. Eventualmente jogavam também Bráulio, Hermínio, Sadi e outros grandes nomes. Pois Valmir, além de atuar na defesa, era também o cobrador oficial de pênaltis do time. Eu achava isso curioso. Quem batia as faltas era Valdomiro, mas as penalidades máximas ficavam por conta de Valmir. A foto acima é do álbum "Gigante da Beira-Rio", lançado em 1969. Fico feliz em saber que ele se destacou como técnico, mas para mim ele será sempre o zagueiro que cobrava pênaltis.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home