sexta-feira, janeiro 18, 2013

A nova capa de David Bowie

A notícia de que David Bowie lançará novo álbum no dia 12 de março depois de quase dez anos de jejum é sem dúvida mais relevante do que a de que ele saiu para comer um sanduíche de presunto, como divulgado recentemente por um jornalista brasileiro. Mas não posso deixar de manifestar minha decepção com a capa. Para quem não conhece a obra do músico: o que se vê na imagem acima é a foto original do disco "Heroes", de 1977, com o título riscado e o retângulo branco com o novo nome cobrindo o rosto. Mesmo que a intenção não tenha sido esta, fica a impressão de ser um "disco de continuação", um recurso bastante usado por artistas em baixa para tentar resgatar o interesse dos antigos fãs (ou dos novos fãs que só se interessam por discos antigos). Mike Oldfield lançou Tubular Bells II e Tubular Bells III, Meat Loaf veio com Bat Out of Hell II, Rick Wakeman inventou Return to The Center of The Earth (continuação de Journey to the Center of The Earth), Elton John soltou The Captain and The Kid (continuação de Captain Fantastic and The Brown Dirt Cowboy) e até Alice Cooper saiu-se com um Welcome 2 My Nightmare. O objetivo é sugerir que o ídolo "voltou à velha forma". No caso de Tubular Bells II de Mike Oldfield eu até diria que isso aconteceu. Independente de qualquer coisa, Bowie não precisava disso. Vou procurar ouvir The Next Day como um trabalho inteiramente novo, dissociado do passado. Até porque eu sou um raro fã de Bowie, se não o único, que não curte muito o álbum "Heroes".

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home